isacosta.net » the geek side
16.10.06
categorias:
Quando olhamos para um bocado de html e dá-nos uma súbita vontade de rir, como se alguém nos estivesse a contar uma anedota, é caso para dizer que estamos perdidos, né?

Pois é! Aconteceu-me...

Uma colega pediu-me ajuda porque não estava com dificuldades em entender-se com o html de uma página que estava a fazer, chego lá, peço para ela me mostrar o código. Reparo que está a usar o FrontPage..senti medo...muito medo...olhei para o código e de repente tive um ataque de dislexia...estava a olhar para código html e não conseguia entender praticamente nada!

"Ok, fazemos assim, mandas-me isso, que eu faço isso doutra maneira, porque assim como está, não entendo nada!"... Teve que ser mesmo assim, porque doutra forma, não a conseguira ajudar..

Vamos lá fazer um flashback, que eu gosto muito dessas coisas..
Estavamos nós no ano de 1998 quando eu fiz a minha primeira página, nesse belo editor que era o FrontPage Express, fornecido por um conhecido, que atendeu ao meu apelo desesperado "quero fazer um site". Gostava muito dele (do FrontPage Express, não do tal conhecido), era simples e servia bem o seu propósito. Passado um ano ou dois, comecei a usar o FrontPage 98 (sem ser Express), até que num belo dia, algures no ano 2000, o meu amigo Nuno disse-me para não usar aquilo, que era uma valente bosta, para usar antes o Dreamweaver.
Então lá arranjei essa coisa do Dreamweaver, mas não me entendi bem com aquilo, e continuei "fiel" ao FrontPage, até ao dia em que o migo Nuno lá se sentou ao meu lado e me explicou os segredos do Dreamwaver (v4). Desde então, nunca mais voltei a abrir o FrontPage, até que desapareceu naturalmente do computador.
Passaram-se seis anos desde então, até que há uns dias atrás tive esse tal encontro imediato com o meu velho companheiro de "infância".. Como naquela altura não usava muito o code view, era mais rapariga de wysiwyg, nunca cheguei a aprender o código que o gajo gerava para comparar com o código a que o Dreamweaver me habituou, mas como a Microsoft tem a mania dos formatos proprietários, e o Dreamweaver é compliant, não é de admirar...
link do postPor Isa, às 00:55  comentar

 

Isa. Webdesigner, geek, apple fangirl assumida, necessita tanto de uma ligação à internet como do ar que respira. Adepta das novas tecnologias e sempre atenta às novidades!

online